Chow-chow atacou dona – explosão por evitação?

Publicado por JPS em

Essa semana viralizou na internet um vídeo de uma família, cuja a mãe, provável dona do cachorro da raça Chow-chow foi atacada. A cena é caótica:  já começa com o ataque  e termina com imagens da cabeça da mulher toda ensanguentada. Enfim, lámentável.

Confira o vídeo:

View this post on Instagram

Viralizou esse vídeo do ataque de Luke, o Chow-chow. Ele atacou sua dona, dentro do ambiente familiar. O que aconteceu? Não vimos a origem do vídeo. Mas existem peculiaridades nesse cachorro, de tipo primitivo, que podem nos dar a resposta. Se você é dono de um cachorro da raça Chow-chow, não tenha medo dele. Basta conhecer bem a raça para saber o que evitar no seu convívio. Não vamos criar um vilão nessa história, vamos aprender com esse case! Em breve um artigo sobre isso vai sair.#chowchow #chow #chowchowlife #adestramentopositivo #adestramento #cursodeadestramento #cursoonline #amoraosanimais #k9 #cachorroetudodebom #amorverdadero #amocachorro #euamocachorro #pets #petiscos #petshop #pet #caodetrabalho #caodecaça #caodeguarda #cachorro #instadog #dog #dogs

A post shared by Matilha Fiel (@matilhafieloficial) on

Podemos de cara responsabilizar o cachorro pelo ato?

Bem, não podemos ser assertivos sobre esse caso, pois não conhecemos as peculirialidades desse cão em particular, não conhecemos sua criação, nem conseguimos ver no vídeo qual foi o gatilho desse ataque explosivo.

podemos criar hipóteses com base em aspectos da raça, sem levar em consideração aquele chow-chow. Para isso, portanto, precisamos conhecer um pouco a própria raça. Vamos lá.

Raça Chow-chow – do Oriente para o Ocidente

Raça antiga e de origem ainda desconhecida, análises de DNA sugerem que estes cães tenham surgido originalmente na Mongólia ou Sibéria, e, após isso, foram levados para a China. Na China estes cães conhecidos como Songshi Quan, que significa literalmente “cão-leão-empolado”.

É suposto que sua imagem já tenha sido usada para decoração de objetos na Dinastia Han, 206 a.C e que durante a Dinastia Tang, um dos imperadores teve em seu canil 2 500 exemplares deste canino, e estes ficaram conhecidos como Tang Quan (cão da Dinastia Tang).

Trazidos pelo exército inglês por volta de 1820, por causa de sua aparência, chegaram a ser expostos em zoológicos ingleses como animais exóticos. Eles eram os cachorros preferidos de Sigmund Freud – Pai da Psicanálise, são considerados difíceis e teimosos até para donos experientes.

Chow-chow – o cão leão

View this post on Instagram

Uma raça que é conhecida pela sua aparência de cão-leão. Chow Chow tem a língua na coloração azul, e ocupa atualmente o 76° lugar no ranking de inteligência canina. São bem territorialistas e atuam muito bem como cães de guarda silenciosos. Possuem temperamento dominante, por isso, esses cães podem a vir causar brigas com outros cães, sendo indicados para donos experientes e responsáveis. Os machos podem ter entre 48 à 56 cm de altura na cernelha, e as fêmeas entre 46 e 51 cm na cernelha. Além disso, podem se apresentar em 5 cores, todas em forma unicolorː Preto, vermelho, azul(cinza), fulvo, creme , frequentemente com nuanças, mas sem manchas. Também, foram utilizados como cães de rinha, de guarda, de caça e como cães de trenó. .#chowchow #chow #chowchowlife #adestramentopositivo #adestramento #cursodeadestramento #cursoonline #amoraosanimais #k9 #cachorroetudodebom #amorverdadero #amocachorro #euamocachorro #pets #petiscos #petshop #pet #caodetrabalho #caodecaça #caodeguarda #cachorro #instadog #dog #dogs

A post shared by Matilha Fiel (@matilhafieloficial) on

Uma raça que é conhecida pela sua aparência de cão-leão. Chow Chow tem a língua na coloração azul, e ocupa atualmente o 76° lugar no ranking de inteligência canina. São bem territorialistas e atuam muito bem como cães de guarda silenciosos. Possuem temperamento dominante, por isso, esses cães podem a vir causar brigas com outros cães, sendo indicados para donos experientes e responsáveis.

Os machos podem ter entre 48 à 56 cm de altura na cernelha, e as fêmeas entre 46 e 51 cm na cernelha. Além disso, podem se apresentar em 5 cores, todas em forma unicolorː Preto, vermelho, azul(cinza), fulvo, creme , frequentemente com nuanças, mas sem manchas. Também, foram utilizados como cães de rinha, de guarda, de caça e como cães de trenó.

Chow-chow é do tipo Primitivo

chow-chow-lindo

De acordo com a tabela da FCI –   Federação Cinológica Internacional (A Federação que se encarrega de determinar os padrões regulares de cada raça canina e classifica-as segundo suas características), o chow-chow é  uma raça  que se encontra no grupo 5 – Cães de tipo Spitz e de tipo Primitivo.

São cães independentes, leais, reservados, de temperamento versátil e silenciosos. Além disso, ainda conservam temperamento de guarda e são territorialistas e dominantes. São cães de temperamento forte, por vezes considerados teimosos, por isso é indicado para donos experientes.

Evitação – conheça esse comportamento

Esse tipo de cão, tem um comportamento chamado de evitação –  natural de sua raça. É um comportamento em que o cachorro evita qualquer coisa que o incomoda, que o estressa, por exemplo, quando um cachorro não gosta de alguém, ele evita ficar até mesmo no mesmo recinto que ele está naquele momento. Se essa pessoa força a interação com o cachorro, em determinado momento ele vai atacar.

Ou por exemplo, o cachorro não gosta de determidada ação do dono, como um abraço. Já no começo ele demontra que não está confortável com os abraços do dono, mas o mesmo não percebe, a medida do tempo que o dono continua abraçando, isso vai estressar o cão, portanto, como todo mundo tem limite, por fim, ele vai estourar e atacar seu dono.

chow-chow-de-canto

“Me deixa queto aqui blz.”

Esse comportamento é silencioso, o cachorro não avisa, como um rosnado de aviso, por exemplo. Por isso é perigoso, o cachorro literalmente evita a situação, porém em certo momento, quando exposto a fonte que causa desconforto, ele pode atacar. Esse comportamento é comum em cães de raças primitivas, portanto não fique com receio de seu cão se ele ficar mais na dele. Isso acontece por que esse tipo de raça é naturalmente mais independente e dominante. Fique atento.

Conclusão

Nesse caso, infelizmente nunca saberemos o que de fato causou o ataque, porém o que provavelmente pode ter sido foi esse comportamento. Por fim, o fato é que se o cachorro estava no meio da sala, tinha mulheres e crianças na cena, então não dá pra dizer que era um cão agressivo, pois se fosse agressivo, ele provavelmente nem estaria na sala da casa, um ambiente familiar de união.

chow-chow-n-braço

“Com grandes primitivos vem grandes responsabilidades.” Stan ChowLee

Em conclusão, é muito importante conhecer a raça que você tem em casa, além de técnicas de adestramento para dar segurança para todos os membros da família.

Caso você identifique esse comportamento, fique atento, procure um adestrador para lhe ajudar.

Atualização:

Confira esse vídeo bem esclarecedor sobre o assunto:

Fontes:

https://www.agrolink.com.br/saudeanimal/artigo/a-domesticacao-dos-caes-seu-comportamento-agressivo-e-tratamento_54895.html

https://pt.wikipedia.org/wiki/Categoria:Spitz_e_c%C3%A3es_do_tipo_primitivo

https://pt.wikipedia.org/wiki/Chow-chow