Cachorro não é bobo

Publicado por JPS em

Cachorro não é bobo não! Pare de se enganar. Todo cachorro precisa de liderança e firmeza na condução, no dia a dia, enfim, em todo a relação. Ele precisa seguir  “Alfa” por assim dizer. E mais, liderança e firmeza com o cachorro nada tem haver com violência, agir de modo violento – até mesmo a forma de falar para o cão. 

Digo falar, mas levando em consideração que o cão não entende o que se é dito. Naturalmente ele associa palavras, gestos, com o reforço positivo após um comportamento dele. Isto é, quando você dá um comando, para ele é um som “X” que você emite associado a um gesto talvez, que determina que ele tem que fazer o comportamento “Y”, que se ele receber o reforço positivo (um petisco, um carinho, uma sinalização que ele está correto), então, ele sabe que fez a coisa certa.

View this post on Instagram

Passear todos os dias do jeito errado é um mau negócio. É reforçar o mau comportamento (puxar demais, arrastar o dono, latir demais, agressividade, etc) O ideal é entender como funciona a mente do cachorro, aprender a como conduzir, entender que sua presença é muito importante no passeio, a técnica certa, momentos corretos para reforços positivos, e muito mais. Confira nosso site para mais informações do universo canino! > > Já viu nosso site? www.matilhafiel.com.br Nosso face? facebook/matilhafiel #matilhafiel #passeadoresdecaes em #boituva > > #dogwalkersp#dogwalkerinterlagos #doglove #doglover#petlove #petlover #passeadordecaes#quemamacuida #educacaocanina#comportamentocanino #adestramento#vet

A post shared by Matilha Fiel (@matilhafieloficial) on

Correção, disciplina, é muito necessário, sempre, pois muitas vezes você vai ter de corrigir o comportamento não desejável de seu cão. muitas vezes um tranco na guia com aperto no pescoço (que é algo que naturalmente eles entendem: sua mãe desde cedo ensina a comunicação de correção a ele por meio de aperto do pescoço, sendo essa abordagem natural e ligada intimamente a seu instinto, enquanto cão na natureza), mas não deve ser feito com violência, mas sim com firmeza.

Tenha presença de espírito

Resultado de imagem para entrevista de emprego

É importante ter presença de espírito com seu cão. Na verdade a presença é algo que em todas as nossas relações é importante. Imagine ir para uma entrevista de emprego, e ao cumprimentar seu entrevistador, seu aperto de mão é fraco, você se sentar de maneira relaxada, ombros para baixo, peito para dentro e com a cabeça baixa? Imagina que imagem você está passando para seu entrevistador? Isso é a imagem de uma pessoa fraca.

Agora pense no oposto: Seu aperto de mão é justo, firme, não machuca a mão de seu entrevistador, mas esbanja força. Você senta com a coluna ereta, peito para fora, cabeça erguida, olhar na mesma altura do seu entrevistador. É tanta presença que seu entrevistador fica impactado.

Qual das duas situações é a mais favorável para uma contratação?

Todos os animais são assim, por instinto, eles reconhecer uma presença forte, ou uma fraca. E acredite, a presença fraca é desprezada. Acredite também, a presença forte é testada. Logo, quando você tem um cachorro, eles avaliam se você tem firmeza no trato com eles. Por isso digo: Cachorro não é bobo. Mas ele pode te fazer de bobo.

Avalie sua presença diante de seu cachorro 

Reveja o tom que fala com seu cão, reveja sua postura ao passear com ele, a firmeza que você tem com eles, a forma como você segura a guia, a força que aplica ao mostrar para ele quem você é perante ele (um condutor forte e confiante, líder para ele, ou um condutor fraco, liderado por ele), mostrando que não aceita os descontroles ou mau-comportamentos dele – em especial no passeio.

Ter presença é ter postura, força e justiça. Ofereça muitas recompensas como carinho, petiscos, brincadeiras, isso tudo no momento certo. Dê “liberdade assistida”  de vez em quando. Lembre-se: Todo reforço positivo tem seu momento certo para acontecer. Sempre atrelado ao último comportamento de seu cachorro.

Regra básica

Se o último comportamento de seu cão for positivo, dê o reforço. Caso contrário, não dê o reforço. Somente assim pode garantir que o reforço foi positivo, pois assim, você estará recompensando um bom comportamento, o que naturalmente é um estimulo para que ele repita aquele comportamento. Lembre-se: Cachorro não é bobo!

View this post on Instagram

O Buddy da @stefany_paiffer e @paifferarmando evolui a cada dia mais! Ver a evolução dele e participar diretamente nela é uma grande alegria! A cada passeio vemos ele ficando mais seguro de si, ganhando mais fôlego! É isso ai! Agradecemos pela confiança! Amamos o que fazemos! Está sem tempo para passear com seu peludo? Nos chame no direct e agende uma visita gratuita, apenas contribua com 1 alimento não perecível (ação social)! Doamos os alimentos para instituições! Siga @matilhafieloficial Já viu nosso site? www.matilhafiel.com.br Nosso face? facebook/matilhafiel #matilhafiel #passeadoresdecaes em #boituva #bordercollie #borderline #border #borderlands #border_fame #borderland #bordertown #border_collie #bordercolliesofinsta #bordercollie_feature #bordercollieslovers #borderterrier #bordercollies #borderlands2 #bordercollieoftheday

A post shared by Matilha Fiel (@matilhafieloficial) on

(Temos uma novidade para você: estamos liberando GRATUITAMENTE o acesso ao nosso livro digital “Como passear com seu cão – Dicas importantes”. Para baixá-lo basta clicar aqui e preencher os campos com seus dados. Corra que é por tempo limitado!)


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *