Coronavírus em cães NÃO é motivo de alarde

De acordo com o Médico Veterinário Virologista Paulo Brandão, Professor Doutor da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP, o pet – que apresentou uma baixa titulação para o subtipo que acomete humanos – pode ter sido apenas um hospedeiro acidental, ou seja, que não seria capaz de transmitir o vírus para outros seres e nem de apresentar os sinais clínicos da enfermidade. “A tutora do cão tinha o vírus, então é muito provável que o que foi encontrado na saliva do animal se deve apenas ao fato dele ter um contato mais próximo com alguém infectado”, afirma.

“Na China, houve milhares de casos de pessoas com o vírus e isso eleva a chance dele ser encontrado em cães e outros animais, mas provavelmente sem terem um papel efetivo na transmissão, diferentemente do que acontece no contato entre humanos infectados, uma vez que os subtipos costumam ser espécie-específicos”, esclarece.

O virologista ainda acrescenta: “O coronavírus que acomete os gatos, por exemplo, não é o mesmo que acomete cães, que também não possui relação com o encontrado em suínos, aves, bovinos e outros. O coronavírus tende sempre a ser bastante específico para cada tipo de hospedeiro”.

Segundo o médico veterinário e pesquisador, não há motivos para que façamos qualquer tipo de relação entre a doença e os animais. “Apenas um cachorro apresentou o vírus e com um ‘positivo fraco’, ou seja, em baixos níveis. Muitos outros também foram testados e todos deram negativo”, ressalta.

“Precisamos deixar claro que o coronavírus que está afetando humanos não é uma zoonose transmitida por cães, mas sim por morcegos, por isso não temos motivos para criarmos um alarde em cima desta nova informação”, finaliza.

Uma ajuda no combate ao coronavírus canino com a dieta

Podemos ajudar a acelerar o desenvolvimento do sistema imunitário nos cachorros através de imunonutrientes como os nucleótidosas imunoglobulinas e os estimuladores da microbiota, como os prebióticos.

  • Os nucleótidos são a guanina e adenina (purinas) e a timina, citosina e uracilo (pirimidinas). São as moléculas que compõem o ADN e o ARN. São imprescindíveis para a síntese das proteínas e por isso desempenham um importante papel na multiplicação celular, bem como no funcionamento normal do organismo e do sistema imunitário. O fornecimento de nucleótidos para a dieta é importante, assim como manter uma relação específica entre purinas e pirimidinas, já que a sua síntese renovada compreende um processo muito difícil a nível energético.

O leite de cadela, comparativamente com o leite humano e de outras espécies, é muito rico em nucleótidos livres (com um alto teor de pirimidinas), o que indica que o correto desenvolvimento dos animais recém-nascidos está dependente do fornecimento de nucleótidos da dieta, como é o caso da dieta especial de Advance para cachorros. Os cachorros que foram alimentados com uma dieta complementada com nucleótidos apresentam uma maior produção de anticorpos após as vacinações e os seus linfócitos possuem uma maior capacidade de resposta.

  • As imunoglobulinas podem ser utilizadas como suplementos alimentares e podem ser de origem plasmática, de gema de ovo hiperimunizado e colostro bovino.

No caso do coronavírus canino, a ação das imunoglobulinas consiste em evitar que os patógenos adiram à mucosa intestinal, ligando-se a eles e inativando-os, além de manter a integridade da mucosa.

  • Os prebióticos são fibras naturais que fermentam no intestino grosso, estimulando o crescimento de bactérias benéficas, como os lactobacillus e as bifidobactérias, contribuindo para manter o equilíbrio da microbiota.

Por sua vez, o equilíbrio adequado da microbiota contribui para a saúde da mucosa intestinal e do seu sistema imunitário.    Referências:

  1. Jeusette I, Romano V, Salas A, et al. Relatório de Investigação: A IMUNONUTRIÇÃO NOS CACHORROS. Affinity Petcare, 08174 St. Cugat del Vallès, Barcelona (ESPANHA)

 

 

Fontes e Indicações de leitura:

https://matilhafiel.com.br/coronavirus-em-caes-entenda/

https://www.affinity-petcare.com/vetsandclinics/pt/coronavirus-canino-reforcar-o-sistema-imunitario-nos-cachorros/

https://www.affinity-petcare.com/vetsandclinics/pt/coronavirus-canino-reforcar-o-sistema-imunitario-nos-cachorros/