O médico veterinário precisa ter a sensibilidade e o jogo de cintura para lidar com as emoções dos “pacientes” e dos familiares deles.

– Almiton Serrão, médico veterinário com atendimento a domicílio (Boituva-SP)

Nós da Matilha Fiel entrevistamos Amilton Serrão, que tem experiência de mais de 20 anos como médico veterinário, e trabalha com atendimento veterinário residencial para animais na cidade de Boituva.

Quem gosta e até mesmo quem não gosta de cães vai adorar essa entrevista. A paixão do entrevistado por sua profissão é evidente em cada resposta, em cada palavra. Leia a entrevista e no final deixe seu comentário para o Amilton.

1 – Olá, Amilton! Medicina Veterinária é uma profissão bastante admirada por todos que tem um pet. Conte-nos sobre você e sua experiência nessa área.

Olá, realmente a Medicina Veterinária é apaixonante, pois tratamos da saúde do animal, bem como, medicina preventiva, na área de inspeção de alimentos de origem animal, laboratórios, indústria farmacêutica, eventos de concentração de animais, por exemplo. Além disso, existem outras muitas vertentes de origens animais.

A minha paixão por animais nasceu por que eu morava em uma propriedade rural até o início da minha adolescência, onde sempre estava cercado por diversas espécies animais e naquela época, não havia nem um médico veterinário em nossa região, portanto os proprietários tinham que tentar resolver os problemas com seus próprios meios e conhecimentos, onde nem sempre obtinham sucesso.

Percebendo a dificuldade e escassez de profissionais da área, em torno dos 13 anos decidi ser Veterinário.

2 – Você tem animais de estimação? O que eles representam na sua vida?

Tenho uma cachorrinha, um casal de gatos e uma coelha.

Não importa a raça ou a espécie, os animais são conhecidos por demonstrarem muita gratidão e amor por seus donos. Minha cachorra late e faz festa quando eu chego em casa, meus gatos brincam e fazem palhaçadas que me tiram sorrisos de alegria, por exemplo!

 

Amilton-Serrão-em-atendimento

Amilton Serrão em atendimento.

3 – Basta gostar de animais para ser um bom veterinário?

Muito se engana quem pensa que somente amar os animais é o único pré-requisito para se tornar um bom médico veterinário. Acima de tudo, para seguir na profissão é necessário estar pronto para imprevistos, investir em estudos e ter como objetivo focar na qualidade de vida dos animais e das pessoas.

Assim como na área da Saúde Humana, esse profissional precisa ter sensibilidade e jogo de cintura para lidar com as emoções dos “pacientes” e dos seus familiares, na área da Saúde Veterinária.

Na sua rotina, o veterinário é responsável por saúde pública. Ele vai lidar com doenças, traumatismos, cirurgias, autópsias e situações em que será preciso sacrificar o animal, com o intuito de amenizar o seu sofrimento.

O sofrimento fará parte da sua rotina, e como profissional você deverá manter o equilíbrio emocional. Lembre-se de que a sua missão é salvar vidas e tomar as melhores decisões para o bem-estar do animal.

4 –  Qual a importância do veterinário na vida de um animal de estimação?

Escolher ter um animal de estimação inclui o acompanhamento de um médico veterinário, que é o profissional especializado para atender emergências e rotinas clínicas dos bichinhos. Portanto, temos a responsabilidade de orientar e explicar o cotidiano e a rotina de cada animal, cuidando adequadamente suas necessidades individuais e particulares, de acordo com a raça, a idade e a espécie.

Exames preventivos de rotina, vacinações e atendimentos regulares fazem parte da rotina do médico veterinário. Além disso, o animal atendido por ele chega a ter um prontuário de controle para garantir o bem estar da família e o profissionalismo do atendimento.

Em situações mais graves como doenças, por exemplo, nós temos a responsabilidade de conferir as melhores opções de tratamento, que além de medicações pode incluir cirurgias sérias, na expectativa de proporcionar a cura e o bem estar animal.

5 –  Como funciona seu modelo de serviço? Quais benefícios você leva aos clientes?

Eu trabalho com o atendimento a domicílio e levo a comodidade de não ter que levar o animal até uma clínica ou consultório (tarefa que nem sempre é fácil). Defino os horários de atendimento com o proprietário do animal, facilitando assim a rotina diária de cada um.

Outro ponto positivo do meu atendimento a domicílio é visar o bem estar do animal, evitando o desconforto do transporte e o stress de estar em um local estranho que não é sua casa. Além de toda a segurança e conforto que meus clientes merecem!

6 – Como faz pra se atualizar frente às recentes evoluções da medicina veterinária?

Um médico veterinário nunca para de estudar, comigo é assim. Portanto, muita educação continuada, estudo e análise de literaturas de artigos acadêmicos.

Também vou a muitas palestras, congressos onde aumento meu Networking, trocando novas ideias com outros profissionais da área, que frequentam esses eventos.

Conclusão

Ter um animal de estimação ajuda a lidar com fatos importantes da vida, além de reforçar a autoestima. Aprendemos diariamente com eles o que é o verdadeiro amor, sem querer nada em troca. Isso agrega valores que nós da Matilha Fiel buscamos diariamente. Tivemos a alegria de conhecer os serviços de Amilton Serrão! Nos atendeu com extremo profissionalismo e prontidão, auxiliando nosso pequeno Charlie.

Amilton Serrão atende na Cidade de Boituva e Região, com atendimento a domicílio. Em conclusão, deixamos o contato dele, para que, quem precisar, possa entrar em contato e conhecer seu trabalho super profissional, portanto, nós da matilha indicamos!

Até a próxima pessoal!

curriculo-amilton-serrao

 

 

 

Gostou dessa entrevista? quer ver alguma entrevista específica? entre em contato clicando aqui e mande sua mensagem!