Passear com cachorro: por que é tão importante?

Passear com cachorro: por que é tão importante?

De vez em quando é bom sair e curtir um pouco a vida. Se para você isso é essencial, a fim de manter o equilíbrio diário, imagine para o seu cachorro! Se nós, sobre duas pernas, já temos um nível considerável de energia e necessitamos gastá-la, ele então, sobre quatro patas… se possível iria para a China numa corrida só e ainda te levaria junto! Passear com cachorro é um exercício físico e mental para o animal e contribui para desenvolver várias habilidades motoras e psíquicas necessárias para um bom relacionamento entre ele, você e a sociedade.

(mais…)

Saiba quais as raças que devem usar o acessório em lugares públicos

Saiba quais as raças que devem usar o acessório em lugares públicos

Uso da focinheira é obrigatório por lei

usar focinheira

Os condutores de alguns animais deverão seguir as regras estabelecidas na Lei Estadual nº 11.531/03 e do Decreto municipal nº 48.533/04, que exigem a utilização de coleira, guia curta, enforcador e focinheira para os cães das raças de grande porte.

Conheça as raças de cães que por lei devem usar focinheira

Comecemos então conhecendo a legislação vigente. Embora você possa pensar que o seu animal de estimação é o animal mais pacífico do mundo, sim, ele deverá usar focinheira para sair à rua se ele for parte das raças catalogadas como potencialmente perigosas. Tome nota:

I – “mastim napolitano“;
II – “pit bull“;
III – “rottweiller“;
IV – “american stafforshire terrier“;
V – raças derivadas ou variações de qualquer das raças indicadas nos incisos anteriores.

Considere então:

  • Staffordshire Bull Terrier;
  • American Staffodshire Terrier;
  • Dogo Argentino;
  • Fila Brasileiro;
  • Tussa Inu;
  • Akita Inu.

Resultado de imagem para cachorro com focinheira

O que estabelece o decreto

1. Cães das raças mastim napolitano, pit bull, rottweiler e american staffordshire terrier tem de ser conduzidos com uso de coleira, guia curta de condução e enforcador. Os animais de raças derivadas ou variação de qualquer dessas raças também são abrangidas pela lei.

2. Em centros de compras, locais fechados de acesso público, eventos, passeatas ou concentrações públicas os animais terão, ainda, de estar com focinheira.

3. São consideradas guias curtas de condução as correias ou correntes com comprimento máximo de 2 metros.

4. A multa para os casos de descumprimento da lei será aplicada pelos profissionais da Vigilância Sanitária.

5. Qualquer pessoa pode comunicar a Vigilância Sanitária sobre a infração da lei, indicando as provas que tiver da infração. Ou até mesmo a polícia, caso verifique a condução do animal em desacordo com a legislação.

6. A autoridade policial deverá comunicar a Vigilância Sanitária para lavratura de auto de infração e, se necessário, conduzir o infrator à delegacia de polícia para registro de ocorrência.

7. O valor da multa por descumprimento da lei é de R$ 124,90.

8. O valor da multa em caso de reincidência é de R$ 149,80.

View this post on Instagram

Os condutores de alguns animais deverão seguir as regras estabelecidas na Lei Estadual nº 11.531/03 e do Decreto municipal nº 48.533/04, que exigem a utilização de coleira, guia curta, enforcador e focinheira para os cães das raças de grande porte. > Comecemos então conhecendo a legislação vigente. Embora você possa pensar que o seu animal de estimação é o animal mais pacífico do mundo, sim, ele deverá usar focinheira para sair à rua se ele for parte das raças catalogadas como potencialmente perigosas. Tome nota: > I – "mastim napolitano"; II – "pit bull"; III – "rottweiller"; IV – "american stafforshire terrier"; V – raças derivadas ou variações de qualquer das raças indicadas nos incisos anteriores. > > Siga @matilhafieloficial > > Já viu nosso site? www.matilhafiel.com.br Nosso face? facebook/matilhafiel #matilhafiel #passeadoresdecaes em #boituva #beagle #baglebrasil #cutebeagle #beaglecross #beaglestyle #beaglepuppies #beaglesociety #mastim #pitbullmommy #pitbullofficial #pitsofig #pittie #pitbullgram #pitbullgram #americanstaffordshireterrier #bulliesofinstagram #pittie #bully #staff #staffylove #dogoftheday #ilovemydogs #dogsofinstaworld #puppiesofig #terrier

A post shared by Matilha Fiel (@matilhafieloficial) on

Quais os tipos de focinheiras?

Existem focinheiras de tecido ou nylon, podem também ser chamadas de focinheiras de contenção. Elas são usadas durante procedimentos veterinários, para evitar que seu cão atrapalhe durante um exame, ou evitar que ele se lamba enquanto você passa algum carrapaticida ou talco contra carrapatos.

cão com focinheira de cesta

Focinheiras de cesta

Focinheiras de cesta ou grades são as de passeio, elas são as mais indicadas por evitar que o cão morda, mas também deixa-lo livre para respirar, cães respiram com a boca aberta, e não provocam incomodo ao cãozinho.

cão com focinheira de contenção

A focinheira de adestramento / contenção

A focinheira de adestramento envolve o focinho do cão e é ligada a uma guia para passeio, pode parecer incomodo, mas se utilizada da forma correta vai ajudar a adestrar cães que puxam muito durante os passeios.

cão com focinheira de cesta

focinheira de cesta

Focinheiras especiais são as fabricadas para cães de focinho achatado, não é indicado que cães com focinho achatado usem focinheira, por já ter problemas respiratórios de nascença, é importante que nesses casos entre em contato com o veterinário para avaliar a melhor saída.

Recomendações sobre a utilização da focinheira

usar focinheira

Crédito: Simpática Dumat

Lembre-se que a focinheira é um elemento muito incômodo para o peludo e que apenas serve para reprimir condutas as quais ainda não se pôde encontrar uma solução efetiva. Usá-la o como um castigo por algum comportamento inadequado, ou para evitar que o cão lata em excesso, apenas piorará a situação.

Se de alguma forma você se ver diante da necessidade ou da obrigação por lei de que seu animal de estimação tenha que usar uma, lembre-se que:

  • Não deve usá-la por períodos prolongados de tempo.
  • O animal tem que ser fiscalizado de forma constante enquanto usa a focinheira, já que ele pode se machucar se tentar tirar ou pode morrer afogado se ficar impossibilitado de vomitar.

Fontes e indicações de leitura:

https://www.al.sp.gov.br/repositorio/legislacao/lei/2003/lei-11531-11.11.2003.html

https://www.al.sp.gov.br/repositorio/legislacao/decreto/2004/decreto-48533-09.03.2004.html

https://meusanimais.com.br/cao-deve-usar-focinheira/

http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/na-imprensa/caes-tem-de-usar-focinheira-em-sp/

Pixar e sua nova animação – prepare-se para chorar

Pixar e sua nova animação – prepare-se para chorar

Nova Animação da Pixar – prepare-se para chorar com esse curta sobre um gato de rua ajudando um pitbull abusado.

“juntos, eles experimentam amizade pela primeira vez”.

– Rosana Sullivan

O estúdio de animação Pixar conseguiu emocionar o mundo em questão de minutos, mais uma vez, com o lançamento da nova animação, Kitbull, pois soma mais de 2 milhões de visualizações no YouTube.
Confira o vídeo:

Qual é a História, Pixar?

O filme é uma produção do novo programa SparkShorts, que é da Pixar, e conta uma história chocante de uma “improvável conexão que brilha entre duas criaturas” numa realidade cruel. Uma gatinha com espírito independente está perdida e se depara com um Pit Bull de briga machucado.

Uma amizade improvável, mas encantadora (Imagem: Reprodução/Pixar)

Uma amizade improvável, mas encantadora (Imagem: Reprodução/Pixar)

Aquele Pitt Bull é um cachorro treinado para matar, mas tinha acabado de ser abusado, estava todo machucado devido os maus-tratos, porém, como disse a diretora Rosana Sullivan, “juntos, eles experimentam amizade pela primeira vez”.

Quem é Rosana Sullivan?

Rosana Sullivan é diretora, estréia na direção da animação, e começou sua trajetória sendo assistente nas animações “Os Incríveis 2” e “Universidade Monstros”.
“Adoro assistir a vídeos de gatos em momentos de estresse. E eu pensei que gostaria de desenhar um gatinho fazendo algo bobo, mas que fosse divertido e me fizesse sentir bem”, revela a diretora.

Raça Pitt Bull é agressiva e perigosa?

O pitbull é uma das raças de cães mais temidas do mundo, entretanto, não à toa, pois é uma raça que faz um bando de marmanjos borrar nas calças.

Porém, apesar de serem extremamente fortes e rápidos, os pitbulls não são violentos por natureza, mas reagem a estímulos ferozes de seus donos. Portanto, tenha muita responsabilidade ao criar e adestrar um Pitt Bull.

É justamente esse o tema do novo curta de animação da Pixar, que coloca um pitbull treinado para matar fazendo amizade com um pequeno gatinho preto, enfim, quebrando paradigmas.

 

Conclusão

O filme é simples e doce, mas também faz uma declaração poderosa sobre o tratamento de animais, e pode até mesmo abrir conversas mais significativas sobre a reputação dos Pit Bulls sendo uma raça agressiva e perigosa.

No final deste vídeo de nove minutos, você certamente se verá enxugando as lágrimas, reafirmará seu amor por todos os animais e fará com que você abrace seus próprios animais de estimação um pouco mais apertado hoje.

Cena de Kitbull, curta-metragem da Pixar (Foto: reprodução / Pixar)

Cena de Kitbull, curta-metragem da Pixar (Foto: reprodução / Pixar)

Gostou do vídeo? Qual a sua opnião sobre  os Pitt Bulls? deixe seu comentário!

Fonte:

https://www.megacurioso.com.br

https://www.cineclick.com.br